Quais são os documentos necessários para declarar o IRPF?

Separar as documentações corretas no momento da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física, é essencial para evitar problemas e “dores de cabeça” futuras. Para isso, a Harmonia Contabilidade criou uma lista completa de todos os documentos necessários para declarar o IRPF com tranquilidade e segurança.

IDENTIFICAÇÃO

Dados pessoais: Nome, data de nascimento, título eleitoral, endereço residencial, CPF do cônjuge, celular, e-mail e ocupação principal;

Dependentes: obrigatório informar, independentemente da idade, nome completo, grau de parentesco, CPF e data de nascimento;

Número do recibo da DIRPF anterior: dispensável no caso de ter feito a DIRPF 2020 na Harmonia Contabilidade.

RENDIMENTOS

Informe de rendimentos do titular: recebidos de pessoa jurídica, pelo titular;

Informe de rendimentos dos dependentes: recebidos de pessoa jurídica, pelos dependentes, se houver;

Rendimentos recebidos de pessoas físicas: relação contendo data do recebimento, número do CPF do pagador, valor recebido;

Rendimentos de aluguel: informe de rendimentos emitido pela imobiliária ou administradora, ou relação dos valores recebidos, no caso de autogestão;

Informe de rendimentos isentos: lucros de empresas e outros;

Informe de rendimentos: programa Nota Fiscal Paulista;

Informe de rendimentos tributados exclusivamente na fonte: receitas provenientes de ações judiciais, rendimentos bancários, e outros;

Valor recebido a título de restituição: imposto de renda no ano 2020.

PAGAMENTOS E DOAÇÕES

Recibos de despesas dedutíveis: convênio médico, escolas, hospitais, dentistas;

Recibos de despesas não dedutíveis: advogados, contadores, engenheiros, aluguel, corretores de imóveis;

Comprovantes: doações efetuadas …

BENS E DIREITOS

Relação de bens

Se bens imóveis: endereço completo, número da inscrição municipal (código cartográfico), data da aquisição, área do imóvel, endereço completo, número da matrícula, nome do cartório de registro de imóveis, se não tiver matrícula, número do registro da escritura, valor do imóvel;

Se veículos: marca, modelo, ano, placas, número do renavam, valor;

Se saldos bancários: informe de rendimentos emitido pelo banco.

DÍVIDAS E ÔNUS REAIS

Dívidas:

Se de aquisição de veículos: quantidade de parcelas, data da primeira parcela, valor de cada parcela;

Se de financiamento de imóveis: apresentar extrato do débito fornecido pelo banco financiador;

Se outras: apresentar contrato da dívida.

IMPOSTO A RESTITUIR

Em caso de restituição de imposto, informar o banco para receber.

Informações necessárias: nome do banco, agência e número da conta.

IMPOSTO A PAGAR

Em caso de imposto a pagar, se parcelado, informar dados bancários para   débito das parcelas.

Informações necessárias: nome do banco, agência e número da conta.

Agora ficou mais fácil de separar a documentação necessária, não é mesmo?  Se precisar de ajuda, entre em contato com a Harmonia Contabilidade, estamos prontos para te auxiliar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *